Princípios

Português | English

Meus Princípios de Vida e Trabalho

Inspirado pelo livro Princípios, de Ray Dalio, venho refletindo constantemente sobre os princípios de vida e de trabalho que têm conduzido minha vida pessoal e profissional até o momento. Após vários meses da finalização do livro, consegui colocar no papel os meus próprios princípios.

Trata-se de uma lista em constante evolução, que reflete os comportamentos e crenças que deram certo para mim. De forma alguma acredito que seja uma lista a ser copiada por outras pessoas, e sim que sirva de inspiração aos que ainda não refletiram sobre os próprios princípios.

Ser protagonista da própria vida

  • Assumir a responsabilidade: não terceirizar a culpa.
  • Saber que conquistas exigem sacrifícios.
  • Tempo é uma questão de preferência.
  • Buscar aprender com os erros.
  • Objetivos devem ser alcançados através de metas (ser mensurável com prazo definido).
    • Planejar -> Executar -> Refinar.
  • Abençoar o sucesso alheio.
    • Você não pode ter algo que você amaldiçoa.
  • Focalizar oportunidades e não obstáculos.
  • Agir apesar do medo.
    • Coragem não é oposto ao medo, e sim a capacidade de agir apesar do medo.
  • Fazer o que precisa que ser feito, não necessariamente o que gostaria de fazer.

Saber que você não conseguiu nada sozinho

  • Para chegar onde chegou, pessoas o apoiaram.

Equilíbrio sempre

  • Buscar o equilíbrio em todas as áreas.
    • Atingir resultados excepcionais podem exigir a quebra momentânea de equilíbrio, o que não deve se tornar permanente!
  • Se autopromover SIM! Distorcer ou maquiar suas capacidades para que pareçam melhores, NÃO!
  • Não confundir “autopromoção” com “exibicionismo”
  • Cuidar com falsas dicotomias!
  • Nenhum progresso vale a quebra da ética!
  • Buscar soluções mais sustentáveis.
  • Não se conformar com qualquer coisa, mas também não esperar pela perfeição que nunca chega.
  • Admirar o trabalho alheio não necessariamente significa admirar a pessoa.

Aprendizado Contínuo

  • Aprender pelo menos mais um idioma além do seu próprio.
  • Ler/Estudar/Fazer cursos (não necessariamente através da educação formal).
  • Buscar aprofundamento em um assunto não pode significar tornar-se alheio ao restante.
  • Buscar pessoas que inspiram.
  • Buscar praticar o que se aprende.
  • Divergências e discussões de alto nível são enriquecedoras.
  • O conhecimento em áreas diferentes enriquecem as soluções.

Ajudar os outros

  • Estar sempre disposto a ajudar os demais.
  • Não tornar as pessoas dependentes de você, mas estimulá-las a se tornarem protagonistas também.
    • Estimulá-las a serem multiplicadoras.
  • Não esquecer que cada um tem seu tempo.
    • Como Ray Dalio diz: “Compreenda que os circuitos das das pessoas são bem diferentes dos seus”.
  • Contribuir com a sociedade.
    • Doação de tempo e/ou dinheiro é uma coisa boa.
  • Suas palavras devem condizer com seus atos (o melhor ensinamento se dá através do exemplo)
    • Quando isso não ocorre, você perde credibilidade perante aos demais.

Consistência é importante

  • Ter consistência é mais importante do que ações pontuais quando se busca um objetivo.
    • Exemplos disso são ler um livro, aprender algo novo, investimentos financeiros e exercícios físicos.

Saúde física e mental são essenciais

  • Treinar o físico, o mental e o espiritual.